Confira 14 construções olímpicas praticamente jogadas no lixo

Sediando as Olimpíadas de 2016, conseguimos ver de perto como são os preparativos, e com certeza, é algo que gera muita polêmica. O dinheiro gasto é mesmo enorme e nem todo mundo acha que vale muito a pena.

As estruturas são imensas e todos se perguntam o que vai acontecer e quem vai bancar a manutenção quando os jogos terminarem – o tal “legado” das Olimpíadas. Supostamente, essas estruturas deveriam servir à comunidade e ao país, mas a realidade não é mesmo tão perfeita assim. Abaixo, temos uma lista de estruturas construídas para grandes eventos e que acabaram totalmente abandonadas.

1. Trilha Bobsled – Saraievo – Jogos de Inverno, 1984

Olimpiadas-Abandonadas-1Olimpiadas-Abandonadas-2

2. Trilha Bobsleigh – Saraievo – Jogos de Inverno, 1984

Olimpiadas-Abandonadas-3

3. Vila Olímpica – Atenas – Olimpíadas, 2004

Olimpiadas-Abandonadas-4

4. Piscina – Berlim – Olimpíadas, 1936

Olimpiadas-Abandonadas-5

5. Complexo Esportivo – Saraievo – Jogos de Inverno, 1984

Olimpiadas-Abandonadas-6

6. Pista de salto de ski – França – Jogos de Inverno, 1968

Olimpiadas-Abandonadas-7

7. Pista de Salto – Itália – Jogos de Inverno, 1956

Olimpiadas-Abandonadas-8

8. Piscina – Atenas – Olimpíadas, 2004

Olimpiadas-Abandonadas-9

9. Caiaque e Canoagem – Atenas – Olimpíadas, 2004

Olimpiadas-Abandonadas-10

Olimpiadas-Abandonadas-12

10. Vôlei de Praia – Pequim – Olimpíadas, 2008

Olimpiadas-Abandonadas-11

11. Cercas do lado de fora do estádio – Atenas – Olimpíadas, 2004

Olimpiadas-Abandonadas-13

12. Vila Olímpica – Berlim – Olimpíadas, 1936

Olimpiadas-Abandonadas-14

13. Mascotes – Pequim – Olimpíadas, 2008

Olimpiadas-Abandonadas-15

14. Hastes de bandeiras – Atenas – Olimpíadas, 2004

Olimpiadas-Abandonadas-16

Fonte: 1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *